4ª Fase - Manipulos, Manetes, Cabos e Vela

Após a montagem da cremalheira e do motor, foi a vez de iniciar a montagem dos restantes componentes do sistema, e que são:


Manete e cabo da embraiagem


O kit vem com uma manete que parece de um travão mecânico, mas tem a particularidade de ser encravado, ou seja de manter a embraiagem actuada mesmo sem fazer força de aperto.


Infelizmente o primeiro guiador que instalei era velho e estava amolgado, o que obrigou a abrir ligeiramente a abraçadeira da manete. Sendo em alumínio fundido, partiu. Felizmente o parafuso de aperto é suficiente para suportar a manete da embraiagem, pelo que por enquanto fica assim como está.


A manete da embraigem deverá ser instalada do lado esquerdo do guiador, e desalinhada com o travão. Das montagens que vi na net, a embraiagem fica sempre com um ângulo de +30º. Não gosto desta configuração, pois não permite actuar o travão da frente. Sugiro que seja montado para baixo com uma inclinação de -45º ou -60º


O cabo da embraiagem deve ser instalado como se de um travão de aro se tratasse, Deve ser apertado na haste da embraiagem, sendo colocada uma mola para evitar que o cabo se queime junto da cabeça do motor.


Manipulo do acelerador e Ligação ao Carburador


O acelerador do kit permite acelerar o motor e matar (kill) o motor através de um pequeno botão amarelo.


Para a montagem do manipulo do acelerador, que vem em duas metades, terá de ser feito um furo no guiador, para que seja colocado um parafuso transversal para evitar que o acelerador rode quando estamos a acelerar.



Como a qualidade do acelerador não é grande coisa, optei por fazer um enchimento do tubo do guiador, e reforçar com fita isoladora na zona das duas metades para que tivesse uma maior solidez.


Do punho rotativo do acelerador - sim, nos cursos da escola damos esta formação - sair um cabo que tem uma particularidade, em cada ponta tem um terminal diferente, o que impossibilita que seja cortado para o adaptarmos ao comprimento do nosso quadro, e alem disso vem já com a espiral agregada, o inviabiliza o corte. Obviamente que o efeito em bicicletas pequenas é de uma expiral excendentária. Paciência.


O extremo oposto do terminal tem de ser colocado dentro do carburador. Sugiro que veja como é instalado esse terminal nesses videos.


A unica questão é que os videos não mostram a instalação dentro do carburador, e isso sim é importante. O orificio do carburador possui dois picoletes, que tem de estar alinhados e encaixados nas ranhuras.


Ligações eléctricas da bobine e do corte


As ligações electricas do kit são bastante fáceis de fazer, já que apenas basta fazer coincidir as cores. Do motor saem dois fios, o quais terão de ser ligados à bobine. Basta fazer corresponder as cores. Vermelho com vermelho. Azul com azul. Os restantes fios que existem são os fios que promovem o corte da corrente para fazer parar o motor. Bastará ligá-los aos terminais disponíveis.

Posts Em Destaque
Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

© Cabra Montêz, Lda - Rua Dona Inês de Castro, Nº9 Loja A 2605-658 Belas. www.cabramontez.com GPS: 38.764869, -9.279693